Quantas raças felinas existem?

Quantas raças felinas existem

O mundo das raças felinas é ainda muito pouco conhecido pelo grande público, mesmo para os “fanáticos” dos gatos, que, na sua maioria, apenas ouviram falar de duas ou três raças, como o Angorá, o Persa ou o Siamês.

No entanto, existe uma grande quantidade de raças felinas. Por que não somos mais específicos? Porque nem todas as raças de gatos estão oficialmente reconhecidas pelas várias associações felinas internacionais. Por exemplo, a Federação Internacional Felina (FIFe) reconhece 48 raças, a International Cat Association (TICA), 71, a World Cat Federation (WCF), 75 e a Cat Fanciers’ Association (CFA) reconhece 42.

Não fique surpreendido com a disparidade do número de raças felinas reconhecidas por algumas associações, como a TICA, pois as variedades de pelo comprido e de pelo curto, de uma mesma raça, são consideradas como duas raças diferentes. Por outro lado, outras associações, como a CFA, incluem as duas variedades de pelo na mesma raça. Assim como existem raças que são apenas reconhecidas por uma associação em específico, como o Mekong Bobtail, reconhecido pela WCF, ou o Khao Manee e o Minuet, pela TICA.

Outro aspeto que varia de acordo com os países são as raças mais populares. Por exemplo, em Portugal, o Persa é a raça que mais se destaca, algo que já acontece há várias décadas. Em seguida surgem as raças felinas com aparência “selvagem”, como o Maine Coon e o Bosques da Noruega, embora outras raças tenham grande projeção consoante o país, por exemplo, o Americano de Pelo Curto nos Estados Unidos ou o Sagrado da Birmânia em França.

Outra curiosidade, embora esta seja mais importante devido ao seu impacto na saúde dos gatos, é o facto de algumas das raças felinas possuírem particularidades que tornam adequada a utilização de um alimento especial, quer pela sua composição, quer pela forma do croquete. Este é o caso do Maine Coon, que, devido ao seu tamanho, precisa de um maior teor de condroprotetores, ou o Persa, que exige um alimento capaz de manter a sua pelagem em excelente estado.

É por este motivo que a Royal Canin formulou alimentos especiais para determinadas raças de gatos que possuem sensibilidades especiais. E quais são? Gato dos Bosques de Noruega, British Shorthair, Maine Coon, Persa, Siamês e o Shpynx. Pode consultar mais informações sobre as mesmas na nossa página web.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *