Porquê alimentos específicos para gatos de raça?

Porquê alimentos específicos para gatos de raça?De modo a proporcionar aos gatos uma alimentação cada vez mais adequada às suas necessidades particulares, são formulados alimentos que têm em conta a idade, o estilo de vida e eventuais sensibilidades. Para além de todos estes parâmetros que fazem parte do desenvolvimento de um alimento à medida, é necessário ter em conta as necessidades específicas de cada raça e desenvolver um alimento capaz de as satisfazer ao máximo.

Neste sentido, é importante considerar que a raça pode estar associada a algumas caraterísticas fisiológicas e a uma maior predisposição para determinadas doenças. Estas conclusões foram obtidas através de investigação, e foi também através desta que se compreendeu que o método pelo qual o animal se alimenta, tanto em termos de velocidade da ingestão como do tipo de preensão do alimento, pode ser determinado pela raça.

Desta forma, o gato Persa, que possui um focinho muito achatado (braquicéfalo), tem grandes dificuldades em agarrar os croquetes com os dentes ou lábios, utilizando sobretudo, a língua, no modo de preensão sublingual. Já o Siamês, utiliza os dentes incisivos, praticando o modo de preensão “em escavadora”. Devido a estas diferenças, o desenho dos croquetes é totalmente distinto para cada uma destas raças. Assim, foi comprovado que para o Persa o formato de croquete ideal é o amendoado, enquanto para o Siamês é o cilíndrico com uma abertura. Esta última,ajuda a abrandar a velocidade de ingestão destes gatos, que tendem a comer muito rápido.

Embora o formato do croquete também seja importante para o Maine Coon, para o British ou para o Sphynx, não podemos esquecer-nos da importância da composição específica de cada um dos seus alimentos. O estudo aprofundado das características de cada raça, permite a criação de alimentos adaptados especificamente às suas necessidades nutricionais e às suas sensibilidades. É o caso da predisposição do Maine Coon para sofrer de cardiomiopatia hipertrófica. O mesmo ocorre com as necessidades do Persa para expressar toda a beleza da sua pelagem, ou com as do Bosques da Noruega para conseguir o manto duplo impermeável que o carateriza.

Outro dos aspetos a ter em conta nos alimentos para raças específicas são as caraterísticas de cada uma delas. No caso do alimento para o Siamês, um gato extremamente estilizado, este ajuda na preservação da sua musculatura e da sua figura esbelta. Da mesma forma, o alimento para o British Shorthair oferece um cuidado extra às suas articulações, uma vez que se trata de uma raça bastante corpulenta.

Em suma, os alimentos específicos para gatos de raça não só oferecem um croquete específico, como também têm em conta as necessidades nutricionais próprias de cada raça, cumprindo o verdadeiro propósito de um alimento de qualidade.